Macroeconomia

Ceteris Paribus

Ceteris Paribus

O que é Ceteris Paribus? Ceteris Paribus é um termo da língua latina que significa “todas as demais coisas permanecem iguais”. O termo indica que todas as demais variáveis que possam influenciar o problema em estudo serão mantidas constantes; Ceteris Paribus é uma restrição introduzida em um argumento ou afirmação para permitir que uma variável ou mais variáveis possam mudar, mantendo as demais variáveis constantes, tais como, “Se reduzirmos os nossos preços por cento X, Ceteris Paribus, a nossa receita de vendas deve subir por Continue lendo

A escola austríaca: ciclos econômicos

A escola austríaca: ciclos econômicos

Teoria Austríaca dos Ciclos Econômicos A teoria Austríaca é um modelo refinado dos pressupostos de equilíbrios da teoria clássica, trata-se de argumentos semelhantes revestidos com uma roupagem mais sofisticada. Para Thornton (2011) a percepção da Escola Austríaca sobre o ciclo de negócios é relativa à teoria do preço e das preferências temporais. A Escola Austríaca não presume a existência de uma mão invisível, mas também não nega sua existência. Busca explicar o porquê da existência de clusters de erros empresariais que estariam na causa dos Continue lendo

Keynes teoria anticíclica

Keynes teoria anticíclica

A Visão Keynesiana: Teoria Anticíclica O principal problema mundial a ser enfrentado na grande depressão de 1929-1933 era o desemprego crónico. O receituário até então indicado pelos economistas clássicos para o problema do desemprego é a existência de salários flexíveis. O desemprego na ótica dos Economistas clássicos era uma questão pontual que se ajustaria automaticamente para o nível de emprego pleno ao longo do tempo pelo efeito da mão invisível do mercado. A lei de Say previa a hipótese de a oferta criar sua própria Continue lendo

Kalecki e os ciclos econômicos

Kalecki e os ciclos econômicos

Os Ciclos Econômica na visão de Kalecki Crises cíclicas têm sido comuns na economia mundial desde o surgimento da revolução industrial. O termo “business cycles” tem sido usado para se referir a estas flutuações no nível de produção, no investimento e no emprego. São muitas as tentativas de explicações pelas escolas econômicas para identificar a origem destes ciclos. Michal Kalecki foi dos principais colaboradores para a análise dinâmica da macroeconomia, onde diferentes variáveis em um modelo são definidas em períodos de tempo distintos. Esta abordagem Continue lendo

Schumpeter e a inovação

Schumpeter e a inovação

Joseph Schumpeter: Teoria e Obra *Por Diercio Ferreira Sem dúvidas que Joseph Schumpeter foi dos maiores Economistas e pensadores políticos do século 20. Joseph Schumpeter é muito reconhecido por sua teoria que visa explicar as atividades que levam aos ciclos de expansão e retração do sistema Capitalista. A Teoria Schumpeteriana derivada dos ciclos longos de Kondratieff e tem como foco as inovações empresariais e seu papel como o principal indutor do crescimento econômico. Schumpeter defende que a concorrência aguça de desejo do empreendedor de buscar Continue lendo

Ondas K e a teoria das estações

Ondas K e a teoria das estações

As ondas Longas e a teoria das estações de Gordon Gordon (2008) realizou uma tentativa de adaptar as ondas-K ao desempenho econômico e financeiro dos países na era pós Kondratieff e criou uma teoria relacionando a teoria das ondas longas ao ciclo anual das estações com o objetivo de tentar explicar como ocorrem as recessões e as expansões econômicas, quais os sintomas que em sua percepção nos indicaria em qual estação ou onda longa o mundo se encontraria e quais os sinais que nos indicariam Continue lendo

Kondratieff: ondas longas

Kondratieff: ondas longas

As Ondas longas, Ondas-K ou Ciclos de Kondratieff. Nikolai Kondratieff observou que um recorde histórico de alguns indicadores econômicos até então disponíveis para ele, o que parecia indicar uma regularidade cíclica de fases de incremento gradual nos valores dos respectivos indicadores seguidos de fases de declínio. O período destas aparentes oscilações pareceu-lhe ser em torno de 50 anos. Este padrão foi encontrado por Kondratieff com respeito a indicadores como preços, taxas de juros, comércio exterior, produção de carvão e ferro gusa (adicionalmente alguns outros indicadores Continue lendo

Ciclos econômicos

Ciclos econômicos

O Conceito de Ciclo Econômico O Brasil saiu definitivamente da fase de bonança e entrou na fase cíclica da Recessão. Nesta série de artigos do Blog Peritia Econômica vamos falar sobre Ciclos Econômicos. Doravante nosso objetivo será buscar identificar como a literatura econômica explica estes “tempos de vacas gordas e tempos de vacas magras” da Economia Brasileira e/ou da econômica mundial. A Prosperidade, a crise e os ciclos econômicos que estão na base dos fluxos e refluxos da economia mundial e do consumo de energia. Continue lendo